Phantosys diskless clients – KVM/Qemu

DEMO IN PORTUGUESE (BR)

Qualquer host (físico ou virtual) pode usar sistemas gerenciados de forma centralizada por Phantosys, mantendo sempre a autonomia e independência de recursos em relação ao servidor, visto que cada cliente utiliza apenas recursos locais de processamento, memória, etc.

Na maioria dos cenários, os computadores clientes utilizam a tecnologia exclusiva Phantosys Local Cache para utilizar seu próprio disco local como espaço de armazenamento que salva uma cópia do repositório de discos virtuais a ele associados, mais os arquivos do usuário. Por isso, mesmo um computador de pequeno porte pode ser utilizado como servidor Phantosys gerenciando centenas de clientes, pois seus recursos não são exigidos durante a operação das estações.

No entanto, em algumas aplicações, pode ser interessante montar o ambiente com clientes sem disco local e, nesse caso, as instâncias de Vdisks utilizadas pelos clientes continuam sendo salvas em camadas e arquivos separados, mas totalmente armazenados apenas no servidor Phantosys. Nesse caso, o servidor deve ser dimensionado de acordo com o número de clientes simultâneos para suportar as demandas de I/O de rede e disco.

É uma opção interessante, na medida que podemos montar projetos com vários servidores Phantosys, cada um suportando uma quantidade segura de clientes, e todos eles gerenciados numa console integrada.

Nesta demonstração, utilizando PromoxVE (ambiente Linux com Qemu e console integrada), mostramos como criar e associar rapidamente várias VMs a um servidor Phantosys.

Provisionamento de Vdisk fácil e rápido, e boot imediato via streaming pela rede, que pode ser utilizado com qualquer tipo de PC ou VM.


Deixe um comentário

Back to top