SAAF na TransIsaak – Paraná

A Base Informática implantou o SAAF na TransIsaak, uma das maiores empresas de transporte de Curitiba/PR, com uma frota de mais de 150 veículos. O sistema traz controle, segurança e transparência nas informações para os gestores da empresa.

O CLIENTE

Fundada em 1969, a Trans Isaak é uma empresa voltada à prestação de serviços de transporte de funcionários, escolares e de passageiros em turismo nacional e internacional.
Há mais de 30 anos no mercado, é uma empresa que conquista a confiança de seus clientes pelo seu comportamento ético e capacidade gerencial, buscando agregar qualidade, segurança e excelência na prestação de bons serviços.
Resultado do esforço e pioneirismo de seu fundador, Sr. Isaak, a Trans Isaak possui sua sede em Curitiba e é hoje uma das melhores empresas de turismo da região sul.

O DESAFIO

Com uma frota de aproximadamente 150 veículos baseados em uma única planta de abastecimento, um controle automatizado dos abastecimentos realizados se fez necessário. O desafio era obter segurança e qualidade de dados, para que estes fossem integrados com eficiência ao sistema de gestão utilizado pela empresa, auxiliando no processo de tomada de decisões dos gerentes.

A SOLUÇÃO

Na planta de abastecimento, as bombas foram automatizadas e receberam um microterminal com teclado para digitação de informações adicionais. Cada veículo passou a ser identificado automaticamente através da instalação de um dispositivo de identificação (DIV). A partir desse momento, o sistema raciona o uso do combustível, pois libera o abastecimento somente para os veículos cadastrados e autorizados.
Todas as informações sobre o abastecimento são automaticamente registradas de modo a gerar relatórios de consumo e outras informações estratégicas para a tomada de decisão. Nesse sentido, a solução SAAF (Sistema Automatizado de Abastecimento de Frotas) permite maior controle do combustível utilizado pela da frota por parte dos gerentes, inibe qualquer possibilidade de desperdício e fraudes, além de gerar economia para a empresa.
Segundo o proprietário da Trans Isaak – Ricardo Isaak – “Antes as anotações eram manuais e tínhamos erros de lançamento, agora temos médias exatas e o registro correto da litragem”. Além disso, Isaak afirma que a partir dos dados obtidos pelo SAAF e do rígido controle do consumo de combustível, as decisões podem ser tomadas com mais segurança e exatidão.